Li um livro do Michael Freeman em que ele diz “Por que nós gostamos de pôr do sol? Um pôr do sol acontece todo dia se o céu não estiver encoberto, mas eles parecem ser um ímã para as câmeras. […] Pôr do sol é um comum exemplo de algo que é geralmente aceito como a ‘encarnação’ da beleza. Outro exemplo é Angelina Jolie.”. Ou seja, tirar foto de pôr do sol é muito apelão, em geral as pessoas miram o sol e disparam e já sai algo muito bonito. Dupla apelação então: pôr do sol no mar. Poucas cenas são mais clichês do que essa – o sol tocando o oceano e um reflexo linear o acompanha do fundo da foto até ele. Então o desafio é usar o pôr do sol na praia de uma outra maneira, brincar com composição e luz para que essa situação fique menos óbvia.

Silhuetas / Silhouettes

I was reading a Michael Freeman’s book in which he says “Why do we like sunsets? After all, they happen every day as long as the sky isn’t overcast, but they seem to be a magnet for cameras. […]Sunsets are one particularly universal example of a sight that is generally agreed to embody beauty. Angelina Jolie is another.” In other words, shooting the sunset is very appealing, people generally target the sun and press the shooter and a very nice picture is created. Even more appealing is the sunset at the beach. Few scenes are more cliché than this one – the sun touching the ocean and a straight reflex is drawn from the bottom of the frame to it. So the challenge is to use the sunset and the beach in some different manner; play with composition and light to reduce obviousness.

Horizonte (e um jet ski) / Horizon (and a jet ski)

Pôr do sol e pessoas (1) / Sunset and people (1)

Pôr do sol e pessoas (2) / Sunset and people (2)

Iluminados / Enlightened

A prancha / The surfboard

Reflexo / Reflection

Anúncios