Tag Archive: rua


São Paulo

Novamente, um post sobre o centro da cidade de São Paulo. Já aviso que muitos outros do mesmo tema virão por aí, porque o centro da cidade é uma região com muitas possibilidades de relação entre pessoas, entre pessoas e cidade, e da cidade consigo própria.

And again, another post about the center of São Paulo. I’ll warn you that many other posts about the same subject are about to me made, for the center of this city offers many possibilities of people interacting to each other, people interacting with the city and the city interacting with itself.

Abaixo, mostro duas fotos tiradas na região da Luz. A primeira delas é uma situação cotidiana de rua, mas mostra dois planos bem definidos e contrastantes: o plano superior mostra prédios antigos e elegantes com ricos detalhes e formas em ornamentos. Já o plano inferior mostra um arranjo típico de um centro comercial urbano, com lojas abertas, produtos pendurados e pessoas passando em frente.

I show, below, two pictures taken at Luz district. The first one is an ordinary urban scene, but shows two distinct and contrasting planes: the upper one is formed of old and elegant buildings decorated with rich detalis and shapes. The lower one shows the typical situation at a commercial urban center, with open stores, products hanging everywhere and people passing by.

A segunda imagem mostra o interior da Estação da Luz. Arrumei o ângulo da foto e a composição de modo a favorecer a ideia de que a plataforma e o trem não têm fim. E no primeiro plano me interessou a presença de duas faxineiras conversando.

The second shot shows the Estação da Luz from within. I arranged the scene angle and composition in order to reinforce the ideia of an infinite platform and an infinite train. Also, I was attracted by the two cleaning women in the first plane.

Paulistano

O Paulistano é meio sujo. Sempre carregando suas coisas pra lá e pra cá. Vive na rua, seja dentro de um carro ou andando nela. Não respeita a faixa de pedestre nem como motorista, nem como… pedestre. Faz bico pra sobreviver, trabalha de sábado, até mesmo de domingo. A vida é difícil, costuma xingar a cidade. Mesmo assim sempre tem um amigo e um sorriso meio sem jeito porque ele sabe, no fundo, que ama esta cidade.

The Paulistano is dirty. Always carrying loads of stuff all the way around. Lives at the streets, either in a car or on foot. Doesn’t respect the pedestrian crossing, neither as a driver nor as a… pedestrian. Does minor jobs for a living, works on saturdays and sundays. Life is hard, he usually blames the city. Nevertheless, he always has a friend and am awkward smile on his face because – he doesn’t want to admit it – he loves this city.

Nite in Hellcife

Cena noturna em Recife.

Night scene in Recife.

Eu sempre achei interessantes as estações de metrô da Avenida Paulista. As formas curvas e estruturas metálicas dão um ar dinâmico. Contrastam bem com os prédios retos e quadrados que ficam ao redor delas.

I always thought that the Subway stations at Paulista Ave. are quite interesting. The curvilinear shapes of the metalic structures give some dynamic and modern feeling, contrasting with the rectangular-shaped building behind them.

A rua do hotel

Essa é a visão que eu tenho da rua do meu hotel, quando olho pela sacada.

This is the sight I have when I look down to the street, from the balcony of my hotel room.

Maluco Beleza

Eu tinha acabado de sair da Villa Claudina, na Liberdade, quando vi uma mão acenando do outro lado da rua. Quando cheguei perto, me deparei com a figura da foto abaixo:

I had just left Villa Claudina, in Liberdade District, when I saw a hand waving at me on the other side of the street. As I closed in i saw the person below:

Um hippie maluco que não parava de falar. Pedi para tirar uma foto dele (afinal, sintam o estilo), e ele autorizou se eu comprasse uma das bugigangas que ele vendia. Comprei um bracelete e puxei conversa. “Conheço muito de música… Jimmy Hendrix, Rush, The Who, Led Zeppelin, Beatles, sei tudo desses caras!” dizia, apontando para revistas e songbooks encostados na parede. “Também li muito na prisão.. ééeeeee, fui preso um tempo atrás, os caras me pegaram. Li sobre muita coisa, tipo assim: cê sabia que o rei do Camboja usa uma bota até o joelho com vários penduricalhos? Éeeeeee…” aí ele voltou ao assunto “Cê gosta de Led Zeppelin?” “Sim, gosto bastante” respondi. E ele continuou “Qual sua música favorita deles?” “Good Times, Bad Times!” “Ha! Isso aí! Tempos bons, tempos ruins! Esses caras eram F@**!”. “Lá em Woodstock o Joe Cocker cantou uma música dos Beatles, sabe qual foi? With a Little Help From My Friends… éeeeeeee… Com uma ajudinha dos meus amigos! Sabe o que é essa ‘ajudinha’? Você fuma um e passa pro próximo… essa é sua ajuda pro seu camarada!”. Trocamos mais algumas poucas palavras, me despedi e continuei minha caminhada. Foi divertido encontrar alguém que parou no tempo!

A crazy hippie, and a chatterbox. I asked him to take his photo (because, after all, look at the style!) and he authorized it, provided I bought one of the stuff he was selling. I bought a bracer and started a conversation. “I know a lot about music… Jimmy Hendrix, Rush, The Who, Led Zeppelin, Beatles, I know everything about these guys!” he said, pointing towards magazines and songbooks leaning on the wall. “I also read a lot in prison… yeeeeah, i was arrested some time ago, the guys caught me. I read about many things, such as: did ya know Cambodia’s king uses a boot as long as his knees, with several trinkets on it? Yeeeh….” then he went back “D’you like Led Zeppelin?” “Yes, pretty much” I answered. Then he continued “Which one is yer favorite song of theirs?” “Good Times, Bad Times!” “Ha! Right on! These guys were F@**ing good!”. “Back in Woodstock, Joe Cocker sang a Beatles’ song, d’you know which one?  With a Little Help From My Friends… yeeeeeh… D’you know what is this ‘little help’ about? You smoke your pot and pass to the next… this is your help to your buddy!”. We talked a little more, then I said goodbye and kept on walking. It was very fun to meet someone who is caught in time!


%d blogueiros gostam disto: